Wiki Ace Combat

Assim como a Acepedia internacional está na wiki.gg, nós também estamos lá. Acesse a nossa Acepédia brasileira de lá pelo link: https://acecombat.wiki.gg/pt-br

E agora temos um canal no Rumble e no Youtube Acesse: Rumble: https://rumble.com/user/AcepediaBR Youtube: https://www.youtube.com/@AcepediaBrasil

LEIA MAIS

Wiki Ace Combat
Advertisement
Wiki Ace Combat


"A red aircraft? I've never seen a paintjob like that before."
Ulrich Olsen

Zone of Endless (abreviado como Z.O.E.) é uma inteligência artificial desenvolvida pela Gründer Industries para combate aéreo. O aprendizado de máquina de IA melhora seus dados de combate a cada batalha para se tornar mais eficiente em batalhas futuras. Desenvolvimentos posteriores forneceram a capacidade de várias aeronaves equipadas com a Z.O.E. se conectarem umas com as outras.[9]

A Zone of Endless foi implantado secretamente durante os Golpes de Estado Useanos contra as Forças Aliadas de Useanas. Apesar de estar equipado com tecnologia e aeronaves de última geração, incluindo o ADF-01 FALKEN, o Phoenix destruiu a maior parte das unidades daZ.O.E durante os golpes de estado. A Gründer continuou melhorando os padrões de voo da IA nas duas décadas seguintes, incluindo o uso de dados de voo do piloto ás Mihaly A. Shilage. usados em versões da Z.O.E.Outras versões usando os dados de voo de Mihaly foram instaladas em drones durante a Lighthouse War, incluindo um ADFX-10 e dois ADF-11F Ravens que foram posteriormente destruídos pelo piloto Trigger.

História[]

Desenvolvimento[]

A Gründer Industries lançaram o projeto Zone of Endless em total sigilo logo após o fim da Guerra de Belka em 1995. A Força Aérea de Belka ficou paralisada depois de perder tantos de seus habilidosos pilotos de caça na guerra. Devido à sua baixa população, Belka considerou esses pilotos um recurso muito precioso. Assim, o país foi forçado a adotar a tecnologia não tripulada enquanto treinava novos pilotos para o futuro. Acredita-se que Theodor Sander, um veterano da Guerra de Belka que se juntou ao programa de desenvolvimento de VANT ae Gründer, tenha contribuído para o projeto Zone of Endless.

O propósito do Z.O.E. como IA de substituição de piloto foi realizado com uma característica fundamental: a capacidade de aprender por meio de batalhas consecutivas. A Z.O.E. pode coletar informações das batalhas das quais participa, analisar os dados e evoluir para superar suas próprias fraquezas. Na prática, as primeiras versões da Z.O.E. recuaria ao sofrer muito dano, enquanto as versões posteriores usariam táticas e tecnologias mais avançadas.

Em 1998, a Gründer instalou o programa da Z.O.E em cinco aeronaves separadas: um F-14D Super Tomcat, um F/A-18E Super Hornet, um YF-23 Black Widow II, um F-15 S/MTD e um recém-desenvolvido ADF-01 FALKEN. Todas essas aeronaves foram pintadas com um acabamento carmesim distinto, sem marcações de nacionalidade, fazendo com que parecessem aeronaves desertoras.

Golpes de Estado Useanos[]

Através de circunstâncias desconhecidas, as aeronaves Z.O.E chegaram ao continente useano em maio de 1998. O Phoenix enfrentou o F-14D durante a batalha de Meriton e o F/A-18E durante a batalha das Ilhas Skully; ambas as aeronaves recuaram após sofrer danos críticos. Apesar de apoiar ostensivamente as Forças Rebeldes de Useanas, os membros do rebeldes Esquadrão Cocoon não sabiam da existência de Z.O.E.

Phoenix mais tarde lutou contra a Z.O.E YF-23 enquanto ajudava o Esquadrão Pennant a escapar de uma emboscada rebelde. O YF-23 abateu um dos aviões Pennant antes de Phoenix derrubar o YF-23 em um duelo prolongado, marcando sua primeira morte contra a AI.

Quando o Esquadrão Scarface e as Forças Aliadas de Useanas começaram a recapturar Saint Ark em setembro de 1998, o Z.O.E F-15 S/MTD perseguiu e lutou com o Phoenix em um duelo. A Z.O.E. utilizou tecnologia avançada de interferência para criar caixas de mira falsas no HUD e no radar do Phoenix, mas o Phoenix derrubou a aeronave e continuou a missão.

A Z.O.E. ADF-01 tentou defender a Fortaleza da Intolerância durante a última resistência das Forças Rebeldes. Apresentava a tecnologia mais avançada, incluindo caixas de mira falsa, bem como recursos de disparo inverso. Phoenix destruiu este último Z.O.E. aeronaves também, abrindo caminho para atacar a Fortaleza da Intolerância.

Lighthouse War[]

Ver artigo principal: Lighthouse War

Em algum momento antes da guerra, o projeto Z.O.E. continuou seu desenvolvimento sob a liderança do Dr. Schroeder. Os drones inicialmente voaram de forma semelhante aos drones vistos nos Golpes de Estado Useanos, mas foram implementados em números muito maiores e não tinham a marca registrada da pintura carmesim dos drones originais. Além disso, Schroeder utilizou as habilidades do Mihaly A. Shilage e um Su-30SM experimental para coletar dados de voo avançados para fortalecer os drones.

Um protótipo avançado de VANT, o ADFX-10, foi desenvolvido em pequenas quantidades e serviu para obter dados de voo de testes de mobilidade e funcionalidade, ou seja, destacando-se de um RAW-F. Uma unidade ADFX-10 em particular foi perseguida no meio de um voo de teste pelo Esquadrão Cyclops. Trigger destruiu este drone durante a Operação Full House, mas o desenvolvimento continuou.

O ADFX-10 foi finalizado como ADF-11, que foi projetado para funcionar dentro do corpo do ADF-11F Raven. Duas aeronaves Raven - de codinome Hugin e Munin - foram as únicas aeronaves produzidas no Elevador Espacial Internacional a receber os doados da Z.O.E. que Schroeder reuniu. A neta de Mihaly, Ionela, destruiu o drive que continha os dados. E Avril Mead, Tabloid, Georg, Ionela, a irmã de Ionela, Alma, e Schroeder destruíram o resto da instalação de produção de drones enquanto a princesa Rosa Cossette D'Elise sabotava a produção de energia do elevador espacial.

Para contornar a perda da unidade de dados, os drones tentaram transmitir seus dados Z.O.E. através do elevador espacial, tentando enviar as informações para todas as fábricas de drones em todo o continente. Antes que pudessem ter sucesso, uma coalizão de forças Oseanas e Eruseanas lançou um ataque desesperado às aeronaves. Trigger destruiu ambos os Ravens e ambos os ADF-11s da cabine controlando-os antes que qualquer dado fosse transmitido.

Referências[]

  1. Erro de citação: Marca <ref> inválida; não foi fornecido texto para as refs chamadas AHL-M07
  2. Erro de citação: Marca <ref> inválida; não foi fornecido texto para as refs chamadas AHL-M12
  3. Erro de citação: Marca <ref> inválida; não foi fornecido texto para as refs chamadas AHL-M14
  4. Erro de citação: Marca <ref> inválida; não foi fornecido texto para as refs chamadas AHL-M21
  5. Erro de citação: Marca <ref> inválida; não foi fornecido texto para as refs chamadas AHL-M23
  6. Transfer Orders, Ace Combat 7: Skies Unknown.
  7. Erro de citação: Marca <ref> inválida; não foi fornecido texto para as refs chamadas KotobukiyaModelManual
  8. 8,0 8,1 Dark Blue, Ace Combat 7: Skies Unknown.
  9. Zone of Endless, Acepedia. Acesso: <https://acecombat.fandom.com/wiki/Zone_of_Endless> acessado em 19 de abril de 2023.
Advertisement